4.11.09

Amar Amar e Amar

Amo como ama o amor.
Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar.
Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?
Fernando Pessoa


'Annecy'


5 comentários:

  1. Bom dia querida!

    Lindíiiiiiiiissimo!

    Me fez voltar ao tempo da escola, do uniforme onde os meninos nos declamavam poesias e brincávamos de encenar.

    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Navegando sem ruma com a intenção de divulgar o meu blog, cheguei até você e gostei do que vi, tanto que pretendo voltar mais vezes. No momento estou impedida de fazer leituras muito extensas, pois a claridade da tela do computador está prejudicando um pouco a minha visão, devo tomar cuidado. Em breve resolverei esse problema. Bem, já que estou aqui aproveito para convidar a conhecer FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... em http://www.silnunesprof.blogspot.com
    Eu como professora e pesquisadora acredito num mundo melhor através do exercício da leitura e enauqnto eu existir, vou lutar para que os meus ideiais não se percam.
    Se gostar da minha proposta, siga-me.
    Por hoje fico por aqui, Espero nos tornarmos bons amigos.
    Que a PAZ e o BEM te acompanhem sempre.
    Saudações Florestais !

    ResponderExcluir
  3. Olá, Giselle, obrigado por sua visita no blog e pelo comentário. parabéns por esse seu espaço aconchegante!

    ResponderExcluir
  4. Fernando Pessoa também sabia ser simples com as palavras, porém, com pensamento profundo. Belíssima imagem! Beijo

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário, gosto de responder em seu espaço, assim, aproveito para te conhecer melhor.
Abraços com carinho.